Dia do Sorvete: 5 lugares que oferecem sabores nada convencionais em São Paulo

Cenoura roxa com laranja e mamão, morango com vinagre balsâmico, framboesa com água de rosa. Permita-se conhecer diferentes gostos e apaixone-se ainda mais por essa sobremesa gelada

Sorvete da Frida & Mina: frutas vermelhas, banana com cacau e manga
Sorvete da Frida & Mina: frutas vermelhas, banana com cacau e manga Roberto Seba

Tina Binido Viagem & Gastronomia

São Paulo

Ouvir notícia

Tudo começou há 4.000 anos na China. Depois, cruzou oceanos, aterrissou na Itália, na França, até conquistar o mundo todo, inclusive o Brasil. Falamos do sorvete, sobremesa gelada, versátil e saborosa, que tem um dia só dela: 23 de setembro. É, sim, paixão nacional parte porque nosso clima tropical, com altas temperaturas, favorece doces refrescantes, e parte porque nosso toque “abrasileirado” fez nascer sabores autênticos e preparos sem igual.

Se você ainda desconfia desse amor, veja os números: de acordo com uma pesquisa do aplicativo de entrega de refeições iFood, são feitos 19 pedidos de sorvete por minuto na plataforma. Isto representa mais de 6,8 milhões de solicitações no período que contempla de janeiro a agosto deste ano e revela um aumento de 140% comparado ao mesmo intervalo de 2020. Os moradores de São Paulo estão entre os que mais pedem a sobremesa pelo delivery, seguido dos habitantes do Rio de Janeiro, Fortaleza, Belo Horizonte e Brasília.

De acordo com o levantamento “Percepções do Delivery na Pandemia”, fruto de uma parceria da AlmoçoGrátis com a GalunionConsultoria, empresa especializada no setor de alimentação fora do lar, deliveries que focam em sobremesa podem ter aumento de 44% em seu tíquete médio.

Tendência para sorvete? Sim!

A Galunion mapeou seis tendências para o setor de sorvetes, baseadas em análises de vários conceitos e opções disponíveis em diversos países: “Better-for-you”, um novo conceito de saudável: sem leite, tendência que não para de ganhar força e que aparece cada vez mais tanto nos sorvetes artesanais como nos industrializados; Clean label, que usa poucos e conhecidos ingredientes do mercado, sem insumos artificiais que o consumidor não entenda; Customização: trend global há algum tempo, pode trazer uma experiência única, indulgência e alimentação personalizada para saúde e bem-estar; e Combinações de sabores.

Para celebrar esse dia tão saboroso, selecionamos sorveterias que oferecem com primor sabores tradicionais, claro, mas que sabem inovar e mostram que um belo gelato vai muito além do chocolate e creme. Conheça uma a uma e faça uma verdadeira viagem por sabores “exóticos”.

Pinguina Sorveteria

Pinguina oferece sorvetes sem corantes, saborizantes e químicos e foca nos sabores brasileiros / Foto: Fred Sabbag

A pequena e convidativa casinha na Vila Madalena, perto do Beco do Batman, é endereço certeiro para amantes de sorvetes artesanais produzidos numa máquina italiana de 1968, que foi restaurada pelos sócios. Não usam corantes, saborizantes e bases prontas, além de terem os sabores brasileiros como grandes estrelas do menu. Sem químicos e com sabor natural, permita-se experimentar o de framboesa com água de rosa, de cupuaçu ou de graviola – todos esses citados são veganos.

Rua Medeiros de Albuquerque, 337 – Vl. Madalena – São Paulo – SP / Funcionamento: de terça a sábado das 12h30 às 19h e domingo das 12h30 às 18h / Delivery via iFood.  

Gelato Boutique

Gelato Boutique é a sorveteria mais premiada do Brasil / Foto: Henrique Peron

A Gelato Boutique é comandada pelas hábeis mãos da premiada chef gelatière Marcia Garbin e é um verdadeiro centro cultural do gelato. Suas criações são reconhecidas por diversas premiações nacionais e internacionais. Os sorvetes são preparados à base de água, leite de búfala, leite de cabra, leite de ovelha e leite bovino tipo A2. O leite possui apenas a proteína beta caseína A2 e como esta proteína também é encontrada no leite materno, ela é de fácil digestão pelo organismo e seguro para pessoas que possuem alergia à proteína do leite.

O cardápio é autêntico e moderno, e o sabor carro-chefe da casa, o premiado “Caffé-Lime”, é preparado com um blend feito pela Café Martins exclusivamente para a Gelato Boutique e composto por duas variedades de café arábica: o Catuí vermelho e o Catuí amarelo que passam por uma leve fermentação deixando a bebida com agradável acidez láctica e finalização doce como caramelo e castanhas. Os gelatos são servidos em casquinhas artesanais preparadas com um toque de Cumaru.

Rua Pamplona, 1023, Jardins – São Paulo – SP /  Tel.: (11) 3541-1532 (também Whatsapp) / Funcionamento: todos os dias, das 11h às 20h / Av. Paulista, 1230 – Shopping Cidade São Paulo (4 andar) – São Paulo – SP / Funcionamento: todos os dias, das 11h às 22h / Delivery via Rappi, iFood ou próprio

Frida&Mina

Frida & Mina oferece sorvetes artesanais e vasto menu de sabores, como o de batida de coco da Frida & Mina / Foto: Roberto Seba

Usando ingredientes naturais, orgânicos sempre que possível e de produtores locais, a sorveteria serve bolas de sorvete artesanal na casquinha caseira e café coado, o que deixa um aroma no ambiente incrível e atrai passantes que fazem fila na porta das duas unidades, ambas em Pinheiros. Na Frida & Mina – o nome é uma homenagem à avó alemã de Thomas. Os gelatos não contêm estabilizantes ou corantes e, atualmente, há 30 opções de sabores. Entre elas, 10 são fixas e as outras variam semanalmente, de acordo com a sazonalidade. No total, há sempre 16 sabores na vitrine, como o de café, que é feito com grãos de arábica Martins Café, e o de hortelã, que leva muita hortelã fresca e flocos de chocolate Amma 45%. Creme de limão, coco queimado, caramelo com flor de sal e morango com vinagre balsâmico também estão no cardápio e valem ser provados.

Rua Artur de Azevedo, 1147, Pinheiros / Funcionamento: segunda a domingo, das 12h às 20h, e Rua Ferreira de Araújo, 326, Baixo Pinheiros / Funcionamento: terça a domingo, das 12h às 20h / Delivery via Rappi

Albero dei Gelati 

Sucesso na Itália e em NY, Albero dei Gelati oferece no Jardins sabores como alga orgânica com infusão de flores, cebola e pimenta / Foto: Bruno Geraldi

Criada em 1985 na Itália e com unidade em Nova Iorque, a Albero dei Gelati entende que o coração do seu gelato reside na terra, no agricultor e na relação que estabelecem com ele. O primeiro passo quando abriram em São Paulo, em 2019, foi fazer uma série de viagens Brasil afora para garimpar ingredientes e pequenos produtores que partilhassem dos seus valores. Os ingredientes selecionados são, em sua maioria, locais e sazonais, e, sempre que possível, orgânicos e biodinâmicos.

O resultado dessa visão e desta busca é o que chamam de “gelato agrícola”; um produto artesanal que nasce da terra, natural, sem nenhum aditivo químico, saboroso e consciente em relação ao meio ambiente. As opções de sabores sempre mudam, mas combinações inusitadas como Spirulina (alga orgânica) com infusão de flores (como capuchinha, lavanda, gerânio e camomila) e base de leite; Cenoura Roxa com laranja e mamão; Tisamissu com Amora; Queijo da Serra da Canastra com castanha e mel; Pimenta; e Cebola vira e mexe aparecem no menu.

Al. Tietê, 198, Jardins – São Paulo-SP / Tel.: (11) 3062-2436 / Funcionamento: todos os dias, das 10h às 22h / Delivery via Rappi  

Sorveteria do Centro

Comandada pelo casal de chefs Jefferson e Janaína Rueda se surpreenda com sabores que misturam doce com bacon, por exemplo / Foto: Tina Bini

A Sorveteria do Centro, comandada pelo premiado casal de chefs Jefferson e Janaína Rueda, faz sucesso com seus sorvetes bem elaborados e inovadores, fato que pode ser comprovado pelas filas formadas ali diariamente – que chegam a dobrar no calor e aos finais de semana. Os sorvetes são feitos sem conservantes ou aditivos, vendidos na versão “soft’ à base de leite da fazenda ou de frutas, o famoso “sorbet”. Saindo de duas máquinas, são cinco sabores fixos, como leite, chocolate, morango, jabuticaba e leite + chocolate. Outros sabores são rotativos, em que a ideia é ter criações sazonais e misturas nada óbvias, como o sorvete à base de leite que leva bacon sequinho por cima e pururuca no meio, uma iguaria da Casa do Porco. Destaque também para o de jabuticaba com poejo (espécie de hortelã) e calda de chia, que dá um toque de doce com o crocante do suspiro.

Rua Epitácio Pessoa, 94 – República – São Paulo – SP / WhatsApp: (11) 94198-0318 / Delivery via iFood


Mais Recentes da CNN