por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Um guia prático para quem vai esquiar pela primeira vez

Praticar esportes na neve requer alguns preparos, desde saber quais os itens essenciais para levar na mala até os termos que facilitarão a sua vida nas montanhas

Bindind, balaclava, bowls... Se ainda não conhece esses termos, confira o nosso guia
Bindind, balaclava, bowls... Se ainda não conhece esses termos, confira o nosso guia Photo by Banff Sunshine Village on Unsplash

Tina Binido Viagem & Gastronomia

Ouvir notícia

O inverno no Hemisfério Norte chegou com tudo. Você, provavelmente, segue alguém nas redes sociais que nesse momento está compartilhando com o mundo suas habilidades no esqui ou snowboard, certo? E a cada foto publicada sua vontade de se aventurar na neve aumenta?

Aproveite o clima atual no Hemisfério Norte ou comece a se programar para o inverno em países como o Chile e Argentina, no Hemisfério Sul, que possuem boas pistas para esquiar entre os meses de julho e setembro, e realize esse sonho.

O que levar na mala para uma viagem de esqui? 

A nossa apresentadora e expert em montar malas para esquiar, Daniela Filomeno, compartilha a seguir os itens que considera essenciais.

Daniela Filomeno em Courchevel, na França / Acervo Pessoal

Para as pistas:

  • Underwear térmica de esqui (basicamente uma calça legging – importante ser até a canela para não pegar na bota de esqui – e uma blusa de manga comprida térmica e dryfit);
  • Fleece, também chamado de polar, um casaco de lã sintética usado em blusas intermediárias. Ou seja, é o tipo de roupa que deve estar entre a camiseta térmica e a jaqueta;
  • Camisetas de manga comprida;
  • Meia própria para esqui, existe inclusive uma com bateria recarregável para esquentar os pés;
  • Fleece ou malha de gola alta e grossa para dias com o frio mais rigoroso;
  • Lip Balm (os lábios ressecam muito).

Essenciais, mas numa primeira aventura na neve é melhor alugar na própria estação:

  • Googles (óculos de esqui). Tem lente para dias de sol e para os dias nublados – se usar uma lente espelhada em dias nublados terá dificuldade em enxergar, principalmente à tarde;
  • Capacete é obrigatório e essencial;
  • Calça, jaqueta ou macacão específicos para a prática de esporte (tem que ter bolsinho interno para ski pass);
  • Luva de esqui, também existe recarregáveis ou pode colocar um sachê para aquecer.

Para fora das pistas:

  • Botas com solado de borracha;
  • Meia-calça ou ceroula;
  • Gorros ou ear muffs;
  • Cachecóis e luvas;
  • Sobretudo;
  • Malhas de cashmere ou lã;
  • Roupas de banho (biquini, maio, sunga);
  • Óculos escuros;
  • Protetor solar, creme para mãos, hidratante corporal e para o rosto bem potentes.

Os esquis e bastões são facilmente alugados nos hotéis e estações de esqui.

Dicionário básico do esqui

Vail, no Colorado, Estados Unidos, é um destinos preferidos dos brasileiros / Wikimedia Commons

Em ordem alfabética, separamos termos importantes e que você ouvirá bastante durante a temporada na neve – manobras até a postura correta para a prática.

Alpine ski

Termo dado para a modalidade de esqui que é conhecida como mais simples e clássica de qualquer montanha – e por isso é a mais praticada pelos turistas. Como ela é na descida também é comum ser chamada de downhill.

Aprés-ski

Expressão francesa que designa todas as atividades realizadas depois da jornada de esqui até a hora do jantar. É a happy hour das estações e o dress code é a própria roupa usada durante a prática do esporte.

Balaclava

É o gorro que fica embaixo do capacete. Ele cobre a cabeça e vai até o pescoço.

Binding

Equipamento que fica preso no centro do esqui e da prancha de snow, onde a bota fica fixada.

Bowls

Área côncava e isolada da montanha que acumula neve e é usada para esqui off-piste.

Buckles

Presilha de aço que prende a bota de esqui no pé do praticante.

Bumps (ou moguls)

Ondulação nas pistas, muitas vezes criadas propositalmente e usadas em manobras.

Cable car

A gôndola usada por dezenas de pessoas para subir uma montanha.

Chairlift

Enquanto o Cable car é o bondinho, o Chairlift é o teleférico aberto.

DIN Setting

Termo técnico que significa a regulagem usada para o esqui se soltar do pé do praticante durante alguma queda.

Edges

Faz parte do equipamento. Logo, é a borda do esqui. Ela é feita de aço e usada em curvas para frenagens. Ao incliná-las, você arrasta a neve e tem o movimento do freio. Vale para descidas também.

Freestyle

Modalidade de esqui que permite manobras livres, com saltos, rampas e bumps.

J-bar e T-bar

Termo usado para quando o esquiador fica apoiado em um cabo, deslizando sobre a prancha. É o famoso teleski ou surface lift.

Slope

Slope é a encosta, a parte “esquiável”, o declive da montanha.

Snowplow

É o primeiro movimento que se aprende no esporte, pois é para frear o movimento.

Lift

Lift é qualquer meio mecânico de ascensão à montanha. Pode ser uma gôndola ou chairlifts usados para levar os praticantes até o alto da montanha.

Poles

São os bastões de esqui usados para dar impulso em áreas planas ou para auxiliar durante uma descida.

Ski pass

Tíquete de acesso aos meios de elevação e pistas.

As cores das pistas

Os trail ratings são símbolos coloridos que indicam a dificuldade da pista. As cores e seus significados se alteram entre os países.

Nos Estados Unidos, Canadá e países do Hemisfério Sul:

Verdes para iniciantes, azuis para intermediários, pretas para os mais experientes e preta dupla muito difícil, apenas para experts.

Europa:

Verdes, muito fácil, para iniciantes; azuis fácil, com pouca inclinação; vermelha intermediária, mais íngreme que a azul; e preta que pode variar entre difícil e muito difícil, apenas para experts.

Agora é fazer as malas, contratar um seguro viagem e aproveitar ao máximo a vida nas montanhas cobertas de neve!


Tópicos

Mais Recentes da CNN