por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Ta Prohm, impressionantes ruínas tomadas pelas raízes de árvores gigantes, no Camboja

Conhecido por ser cenário do filme Tomb Raider, o templo Ta Prohm possui raízes entrelaçadas em toda a sua estrutura do monastério budista do séc. XIX...

Ouvir notícia

Conhecido por ser cenário do filme Tomb Raider, o templo Ta Prohm possui raízes entrelaçadas em toda a sua estrutura do monastério budista do séc. XIX 

Ao andar pelas ruínas do templo de Ta Prohm, é difícil não rever na mente cenas de Angelina Jolie andando pelo seu labiríntico cenário, no filme Tomb Raider. E é comumente procurado como o templo Tomb Raider no Camboja. Apesar de muito lembrado pela sua vocação cinematográfica, Ta Prohm é dos monumentos mais misteriosos e provocativos de todos os templos de Angkor, no Camboja.

ta-prohm-02

Com significado de Ancestral de Brahma, foi um monastério budista durante o reinado de Jayavarman VII, no século XIX, retratado nas quatro faces talhadas na pedra da Face Tower, na parte oeste. Durante o período colonial, os franceses iniciaram a restauração do templo, mantendo as características nas quais foi encontrado: com raízes gigantes entrelaçadas por todas as suas estruturas, apenas escorando as paredes e com pequenas aparas da densa selva. Visitar Ta Phrom dá uma sensação de descoberta, como se fosse um explorador do século XIX.

ta-prohm-03

Além dos diversos detalhes entalhados na pedra, muito bem preservados, destaque para três arvores gigantes: waterfall tree, uma figueira que leva este nome por suas raízes descerem a parede em formato de cascata; crocodile tree, que espalha suas raízes por todo o complexo e expande a cada ano; e Tomb Raider tree, de onde a personagem Lara Croft passa por uma de suas mais dramáticas cenas, ao sair pela porta abaixo desta enorme árvore. Entre todos os templos, sem dúvida o mais intrigante.

ta-prohm-04

Mais Recentes da CNN