por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Nova York sobre duas rodas

Que a bicicleta vem se tornando um meio de transporte popular e cada vez mais seguro, não há dúvidas. Além de ganhar tempo na confusão do tráfego de Nova Iorque...

Ouvir notícia

Que a bicicleta vem se tornando um meio de transporte popular e cada vez mais seguro, não há dúvidas. Além de ganhar tempo na confusão do tráfego de Nova Iorque, é possível usufruir de um passeio cheio de belas paisagens e momentos mais que agradáveis

Nova Iorque é uma cidade fervilhante e cheia de programações imperdíveis. Para otimizar tempo, aproveitar ao máximo tudo que a cidade oferece e ainda economizar, uma boa opção para se locomover na Big Apple é a bicicleta. Com mais de 6 mil bikes espalhadas pela cidade, o Citi Bike possui pontos de locação entre o trecho Manhattan/Brooklyn.

 

citi-bike

 

O ponto de partida mais procurado para o tour é o Central Park, ideal por ser um local com pouco tráfego de carros e com ciclovias, o que ajuda para “pegar o jeito” e criar segurança para pedalar pelas ruas movimentadíssimas da cidade. Além de ser um passeio por um dos cartões postais da grande metrópole, é considerado quase que um óasis no meio de tantos aranha-céus da região.

 

Central-Park

Para quem aprecia arte, vale fazer uma parada no Museu Guggenheim, que fica localizado em frente ao parque. Fundado em 1937, possui um grande acervo de arte moderna com obras de Picasso, Kardinsky, Monet, e Van Gogh. O passeio pelo interior do prédio já é, por si só, uma aula sobre arte e arquitetura.

Guggenheim-NY

Ainda sobre parques, e a alguns minutos pedalando do Central Park, está a sensação do momento, o High Line Park. Instalado em uma antiga ferrovia, entre a 9st e a 11st, no lado oeste da cidade, o parque foi projetado para dar um respiro ao meio de um monte de concreto. Muito verde e mais vistas estonteantes do Rio Hudson e da ilha. Não é possível fazer a extensão de bike, mas logo na entrada e arredores pode-se encontrar algumas estação para estacioná-las.

highline-park

Seguindo sobre duas rodas, a dica é atravessar a Brooklyn Bridge – não pode ficar de fora do roteiro ciclístico – além de romântico, o passeio oferece umas das mais belas vistas da ilha de Manhattan.

brooklyn-bridge

Aproveite para pedalar pela margem do Rio Hudson, com parada obrigatória no Pier 84, Chelsea Pier, Battery Park e Wall Street. O ponto alto de todo o percurso ainda continua sendo as paisagens, sendo um convite irrecusável para espairecer.  Espetacular!

Chelsea-Pier

Próximo a Wall Street, e inaugurado há poucos meses, o novo observatório do One World Trade Center proporciona aos visitantes muito mais que uma vista 360° da Big Apple, mas uma experiência tecnológica impressionante. O percurso entre a bilheteria e o topo do edifício é um show a parte. Vale a pena!

WTC-observatorio

Mais Recentes da CNN