por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Guia Milão 2018: dicas da arquiteta Consuelo Jorge

Confira os locais prediletos e programas imperdíveis de uma turma especialista em design e arte, além de habitués de Milão. Consuelo Jorge, conhecida por seus projetos criativos e funcionais, conta quais são suas paradas obrigatórias em Milão.

Ouvir notícia

Confira os locais prediletos e programas imperdíveis de uma turma especialista em design e arte, além de habitués de Milão. Consuelo Jorge, conhecida por seus projetos criativos e funcionais, conta quais são suas paradas obrigatórias em Milão.

Consuelo Jorge, arquiteta

Restaurantes fora do circuito turístico:

28 Posti, bistrot de cozinha contemporânea, e o Carlo e Camilla, onde é difícil dizer o que mais impressiona: se a culinária italiana ou o cenário deslumbrante.

Melhor massa/risoto da cidade:

Do Bistrot Manzoni Enoteca.

Antiquário para visitar:

Pettinaroli Milano dal 1881. Não tem como não sair deslumbrada deste lugar!

Para descansar após a Feira do Móvel de Milão:

As zonas Lambrate e Tortona têm eventos e exposições. E a Fonderie Milanesi, antiga fundição que te leva à Milão de um século atrás.

Não saio de Milão sem…

Ir ao Jardim Botânico e ao Obicà Mozzarella Bar, para degustar a melhor mozzarella com a melhor vista de Milão, a Piazza del Duomo.

Local que te inspira:

Pirelli HangarBicocca, uma antiga fábrica de locomotivas que produz e promove arte contemporânea.

Foto: divulgação 

 

Mais Recentes da CNN