por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Guia: Salão do Móvel de Milão 2017

Ouvir notícia

Mais importante e maior feira de móveis e design de todo o mundo, o Salão do Móvel de Milão (Salone Internazionale del Mobile), terá em 2017, de 4 a 9 de abril, a sua 56.ª edição. No último ano, agitou toda a cidade com mais de 2 mil expositores e 300 mil visitantes de 165 países diferentes.

Durante a semana do Salone, Milão respira design e sedia diversas atividades, encontros e eventos em torno do tema. Criada para divulgar a qualidade e a criatividade das peças de decoração italiana, é referência mundial das tendências em mobiliário. A feira é dividida em três seções: Clássica, Design e xLux. Esta última, lançada ano passado.

O Salão do Móvel engloba o Salão de Interiores e Decoração, com exposição de designers e lojas do mundo inteiro, que trazem o que há de mais moderno e inovador, além de ditarem quais as próximas tendências do setor.

Além disso, esse ano terá duas bienais: a Euroluce, grande vitrine de equipamentos e produtos de iluminação; e a Workplace 3.0, dedicada ao segmento de escritórios e novas soluções, e mudanças integradas para ambientes de trabalho.

O SaloneSatellite, que recebe trabalhos e ideias de jovens profissionais, este ano tem o tema “Design é…”. Ao lado da mostra comercial, receberá dois eventos importantes: um chamado DeLightFul, sobre design, luz, futuro e experiência, com curadoria de Ciarmoli Queda Studio.

O segundo, chamado A Joyful Sense at Work, curado por Cristiana Cutrona, trata sobre o panorama de trabalho para o futuro, usando métodos inovadores. Foram montadas quatro instalações diferentes, cada uma representando características tradicionais de origem dos arquitetos internacionais participantes.

Mais de 10 mil jovens participaram das últimas 19 edições.

E mais:
De volta para a segunda edição, space&interiors (único evento linkado diretamente ao Salão) põe luz sobre a finalização na arquitetura. Com curadoria de Migliore+Servetto Architects, a expo mostra soluções para superfícies, pisos, portas e acabamentos. Acontece de 4 a 8 de abril, no The Mall – Porta Nuova.


Fuorisalone
Sob o tema “Designing is a game, playing is a project” (trabalhar com design é como jogo, no qual as fases são os projetos, em tradução livre), a Fuorisalone tem série de encontros, projetos especiais e iniciativas culturais no circuito off do Salão do Móvel.

O tema é uma referência ao artista visual e designer italiano, Bruno Munari, cujo conceito engloba muitos jogos e brinquedos. Certa vez ele disse que deveriam ser criados brinquedos didáticos aos adultos para calibrar a mente e se livrar de preconceitos.

Entre os embaixadores do evento este ano, organizado pelo Brera Design District, em Milão, estão o editor-chefe da revista

O que é?
A Fuorisalone não se intitula uma feira e não tem um escritório único da organização, é um evento independente, promovido por pessoas ou grupos de empresas reunidos sob um projeto comum. Começou espontaneamente na década de 1980, por iniciativa de empresas dos setores de mobiliário e design industrial.

Atualmente, está expandindo para outros setores relacionados, incluindo automotivo, tecnologia, telecomunicações, arte, moda e alimentos. “Wallpaper”, Tony Chambers; a arquiteta Michele De Lucchi; e dois designers: Arianna Lelli Mami e Chiara Di Pinto, ambas do Studiopepe.

Descubra o bairro como um turista e se encante pelas inúmeras lojas de roupa e design, além de bares e restaurantes com referências do mundo todo. E ainda a Pinacoteca e a Brera Academy of Fine Arts.


 

Brazil S/A
Em paralelo com o Salão Internacional do Móvel de Milão, o Brazil S/A chega à sua oitava edição sob o tema “Be Brasil”. Pelo terceiro ano consecutivo, a base brasileira, com o melhor do design, da arquitetura, da decoração, do mobiliário e do artesanato nacional foi montada na Università degli Studi di Milano, em uma área de 1.200 m².

Por lá, além da exibição e da apresentação de lojas brasileiras, também acontece a exposição “100% Brasil”, que oferece uma viagem na cultura e na criatividade brasileira para a comunidade internacional durante a Design Weekend. Aproximadamente 60 profissionais brasileiros, que integram a mostra, destacam as influências do país.

Tipo exportação:
Único brasileiro a se apresentar na praça central da universidade, a Corte d’Onore, o artista Alê Jordão expõe “Guard Rail”, instalação artística composta por mobiliários esculturas em forma de bancos, espreguiçadeira, camas, cadeiras, entre outras peças. Ele garimpou os objetos em ferros-velhos para transformá-los a partir de grades de metal padronizadas, usadas para organizar o trânsito.

 

 

[sdfile url=”http://download-link-goes-here”]

 

Mais Recentes da CNN