Restaurantes e chefs de comida asiática em São Paulo, por Fred Sabbag

Para além da cozinha japonesa, chinesa e coreana, a capital paulista apresenta lugares que fazem uma verdadeira viagem aos sabores do vasto continente asiático

Ouvir notícia
Mesa posta do restaurante Ma Kin Thai (Foto: Maurício Santi)

Por Fred Sabbag

Culinária asiática não se resume à japonesa, chinesa ou coreana (algo que se vê bastante em São Paulo). É muito mais do que isso, até porque o maior continente do mundo possui nada menos do que 50 países e 6 diferentes regiões e seria ilógico resumir isso a 3 ou um pouco mais de países.

Nos mais de 40 milhões de km² de território, uma das coisas que mais chamam a atenção é o delicioso aroma que inunda as ruas e restaurantes, em razão da quantidade de especiarias usadas nos inúmeros pratos. Em muitos deles, aliás, é possível sentir uma miscelânea de sensações – sabores salgado, doce e picante, aromas florais, entre outros.

São Paulo abriga diversos imigrantes do continente asiático e profissionais que foram para lá adquirir conhecimento e experiência. Quem ganha com isso somos nós, que cada vez mais temos à disposição opções que fogem do tradicional.

Em tempos em que ainda nos deparamos com inúmeras restrições de viagens, Fred Sabbag apresenta no texto de hoje uma boa notícia: é possível viajar para a Ásia pelo estômago, conhecer diversos países e sabores desse milenar continente através de restaurantes e pelas mãos de chefs experientes na cidade.

Ma Kin Thai

prato do Ma Kin Thai
Prato com arroz jasmim do Ma Kin Thai (Foto: Fred Sabbag)

Fruto da experiência de mais de 20 anos de Maurício Santi em culinária tailandesa, o Ma Kin Thai nasceu com jantares na casa do chef onde eram servidos verdadeiros banquetes. Com a pandemia, foi lançado um curry shop via delivery cuja pasta é feita “do zero”, ou seja, com cada um dos diversos ingredientes que a compõem e sem qualquer componente industrializado.

O cardápio muda semanalmente e sempre conta com uma versão carnívora e outra vegetariana. É necessário reservar com uma ou mais semanas de antecedência, em razão da alta procura. Além dos impecáveis curries (suave, vermelho ou verde), que são servidos com arroz jasmim, semanalmente também são feitas deliciosas sobremesas, como o Khao Niaw Mamuang (arroz glutinoso doce com manga e calda de coco).
Ma Kin Thai: Pedidos por Whatsapp: (11) 99955-8895 ou pelo site https://msha.ke/makin/

Kazuo Restaurante

Pato de Pequim do Kazuo (Foto: divulgação)

Recentemente inaugurado por Kazuo Harada, o Kazuo Restaurante tem como objetivo promover uma viagem gastronômica à Ásia. Por isso que, além de opções de culinária japonesa, o farto e ótimo omakase contém pratos de outros países do continente.

Os destaques são o kinilaw filipino (com limão e tamarindo), o pato de pequim (servido com coxa e sobrecoxas desfiadas na hora do serviço), o honconguês camarão com nozes pecã caramelizadas e molho de ostra e o cha gio vietnamita (o famoso rolinho na folha de arroz).
Kazuo Restaurante: Av. Brigadeiro Faria Lima, 2.277, Itaim Bibi, São Paulo-SP / Tel.: (11) 97620-8488 / Reservas via site e WhatsApp

Mapu Restaurante

prato do restaurante mapu
Berinjela missô shoyu do Mapu (Foto: divulgação/Instagram)

O taiwanês Mapu Restaurante, comandado por Duilio Lin e Caio Yokota, nasceu de um food truck especializado em baos. O restaurante fica em uma agradável casa na Vila Mariana, que ainda está fechada por conta da pandemia.

Enquanto isso, é possível pedir o delicioso cardápio via delivery. É até injustiça mencionar somente um ou outro item que conta com a paixão desse que vos escreve, mas a recomendação é provar o frango crocante, os baos, a berinjela missô shoyu e a panqueca de cebolinha.
Mapu Restaurante: Rua Áurea, 307, Vila Mariana, São Paulo-SP / Delivery pelo site e iFoodWhatsApp: (11) 5083-4778

Gopal Pandaram

Prawns Masala do chef Gopal Pandaram
Camarões Massala, prato com molho à base de cebola, tomate e especiarias finalizado com creme de leite do chef Gopal Pandaram (Foto: Heitor Feitosa)

O indiano Gopal Pandaram nasceu na região de Coimbatore, no estado de Tamil Nadu. Formou-se na Índia e trabalhou na Austrália antes de chegar ao Brasil, onde está há 11 anos.

No início da pandemia, Gopal Pandaram deu início à sua empreitada de servir pratos tradicionais da culinária indiana, que devem ser encomendados via Whatsapp. Dentre os pratos, destacam-se o Lamb Madras (curry de cordeiro), Camarões Massala, Veg Manchurian (bolinho de vegetais) e, talvez o mais famoso dos pratos indianos por aqui, o Butter Chicken.
Chef Gopal Pandaram: Pedidos por WhatsApp: (11) 94800-7750. 

Bia Hoi

goi cuon do bia hoi
Goi Cuon servido no Bia Hoi (Foto: divulgação/Instagram)

Apresentado como um boteco vietnamita, o Bia Hoi, da chef Dani Borges, é focado na reconfortante comida de rua daquele país. O nome (que significa chope ou cerveja fresca) entrega o clima da casa onde come-se e bebe-se bem. A chef aprendeu a preparar a comida servida no Bia Hoi diretamente na capital Hanói.

O vasto cardápio contém delícias como os sanduíches Banh Mi (baguete) e Banh Bao (pãozinho no vapor), o dumpling Banh Bot Loc, o famoso rolinho Goi Cuon e o prato nacional do Vietnã: Pho Bo.
Bia Hoi: Rua Rego Freitas, 516, Vila Buarque, São Paulo-SP / Delivery pelo site

Sobre Fred

Fred Sabbag (Foto: divulgação)

Fred Sabbag é advogado por profissão, mas, no tempo livre, nada de processos ou trâmites judiciais: uma de suas maiores paixões é frequentar bares e restaurantes. O hábito rendeu-lhe inúmeros seguidores no Instagram (@fredsabbag) e o tornou numa celebridade da gastronomia em São Paulo.


Mais Recentes da CNN