por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    5 hotéis em São Paulo que são verdadeiros destinos gastronômicos

    Hotéis na capital paulista oferecem, além de conforto e amenidades, restaurantes que movimentam a gastronomia da cidade com chefs renomados e pratos caprichados

    Chef's table do Tangará Jean-Georges, elegante restaurante no térreo do Palácio Tangará
    Chef's table do Tangará Jean-Georges, elegante restaurante no térreo do Palácio Tangará Divulgação

    Fred Sabbagcolaboração para o Viagem & Gastronomia

    São Paulo

    Ouvir notícia

    São Paulo é um oásis para quem gosta de comer bem. Essa frase, que é um verdadeiro clichê, torna a quarta maior cidade do mundo num destino diário de inúmeros turistas vindos dos quatro cantos do Brasil.

    E a consequência disso é lógica: diversas redes têm incluído São Paulo como ponto chave para a abertura de hotéis dos mais variados estilos.

    Por sua vez, justamente em razão da frase que dá início ao texto, os hotéis aqui listados não se resumem a oferecer apenas conforto e amenidades. Mais do que isso, eles se preocupam cada vez mais com a instalação de restaurantes para atrair não só os hóspedes, como também moradores da própria capital paulista.

    Ou seja, mais do que a geralmente insossa “comida de hotel”, algumas redes vêm entregando aos hóspedes e não hóspedes serviços digno de nota, o que faz com que moradores utilizem os hotéis como programa gastronômico para diversas ocasiões.

    Tempos atrás, em duas ocasiões, falei nesta coluna de restaurantes de hotéis que se preocupavam com menu degustação e brunch. Hoje, contudo, a ideia é mais ampla ao indicar cinco hotéis que possuem restaurantes que valem como destinos gastronômicos em São Paulo.

    A ideia é que tais espaços sejam utilizados para um simples coquetel, aperitivo, refeição ou comemoração. São lugares que, para mim, merecem destaque pelo espaço, atendimento e refeição.

    Palácio Tangará

    Foie gras, manga brûlée e redução de marsala, um dos novos pratos do Tangará Jean-Georges / Ricardo Dangelo

    Citado nesta coluna algumas vezes por diversos motivos, o Palácio Tangará possui dois restaurantes: Tangará Jean-Georges, mais formal, e o Pateo do Palácio, mais casual, cujos menus contêm criações dos chefs Jean-Georges Vongerichten e Filipe Rizzato – este último chef executivo do hotel.

    Aqui é possível pedir desde o menu em seis tempos do Tangará Jean-Georges até opções à lá carte, o famoso brunch dominical e o tradicional chá da tarde inglês.

    Palácio Tangará (@palaciotangara): Rua Deputado Laércio Corte, 1501, Parque Burle Marx, Panamby, São Paulo-SP

    Rosewood São Paulo

    Entrada de palmito pupunha, endívias, coco fresco, figos e castanha de baru do Le Jardin / Divulgação

    Localizado na Cidade Matarazzo, complexo idealizado pelo francês Alex Allard, o Rosewood São Paulo é um criativo e luxuoso hotel, como um oásis no coração da Bela Vista. O empreendimento tem como chef executivo Felipe Rodrigues e sua equipe é composta por ninguém menos do que a premiada chef patissière Saiko Izawa.

    Nele há três restaurantes: Le Jardin, casual, para qualquer hora do dia já que funciona 24h; Taraz, com pratos focados na América do Sul e com curadoria do chef Felipe Bronze; e o Blaise, uma brasserie contemporânea com ingredientes brasileiros.

    Rosewood São Paulo (@rosewoodsaopaulo): Rua Itapeva, 435, Bela Vista, São Paulo-SP. 

    Canopy by Hilton São Paulo Jardins

    Polvo grelhado guarnecido de ajo blanco de castanha-de-caju (sopa fria típica da região da Andaluzia) e vinagrete de feijão-fradinho/ Divulgação

    O Canopy Jardins, marca lifestyle da rede Hilton, tem como chef executivo David Kasparian e é lar de um restaurante: o Stella, que exalta a culinária paulista com algumas referências estrangeiras, utilizando quantidade mínima de ingredientes importados e buscando sempre por produtores pequenos, locais e orgânicos.

    Além do cardápio à lá carte, diariamente há opção de almoço executivo. Também há feijoada aos sábados e brunch aos domingos.

    Canopy Jardins (@canopysaopaulojardins e @stella.jardins): Rua Saint Hilarie, 40, Jardim Paulista, São Paulo-SP.

    JW Marriot São Paulo

    Crudo de carne com alcaparras crocantes e maionese de queijo parmesão artesanal do Restaurante Neto / Divulgação

    Aberto recentemente, o sofisticado hotel de luxo JW Marriot também hospeda o restaurante Neto, comandado pelo chef executivo Ícaro Rizzo.

    O restaurante apresenta releituras de pratos clássicos da culinária italiana, mesclando técnicas tradicionais com ingredientes locais frescos. Por ora, é servido apenas o menu à lá carte, que muda entre almoço e jantar.

    JW Marriot (@jwmarriottsaopaulo e @restaurante.neto): Av. das Nações Unidas, 14.401, Chácara Santo Antônio, SãoPaulo-SP, CEP 04794-000.

    Hotel Unique

    Robalo a vapor, prato clássico do Skye, é feito com creme de champagne e acompanha purê de inhame e caviar mujol / Divulgação

    Referência há 20 anos de design, conforto e luxo, a rebuscada gastronomia do Hotel Unique é comandada pelo chef francês Emmanuel Bassoleil. 

    Localizado no topo do icônico edifício e com uma vista invejável, o restaurante Skye tem variado o cardápio – definido pelo chef como cosmopolita – e contempla todos os gostos da cidade e dos estrangeiros que frequentam o restaurante. Por aqui há pizzas, massas, carnes, aves e saladas.

    Hotel Unique (@hotelunique): Av. Brigadeiro Luís Antônio, 4.700, Jardim Paulista, São Paulo-SP.

    Fred Sabbag
    O advogado e entusiasta gastronômico Fred Sabbag, que conta com milhares de seguidores no Instagram / acervo pessoal

    Fred Sabbag é advogado por profissão, mas, no tempo livre, nada de processos ou trâmites judiciais: uma de suas maiores paixões é frequentar bares e restaurantes. O hábito rendeu-lhe inúmeros seguidores no Instagram (@fredsabbag) e o tornou num personagem importante da gastronomia em São Paulo.


    Mais Recentes da CNN