por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Volta ao mundo: a gastronomia de diferentes partes do mundo em São Paulo

No aniversário de São Paulo, Fred Sabbag apresenta um roteiro gastronômico que vai do mexicano ao coreano, em uma verdadeira viagem pelos sabores do mundo sem sair da capital

Para sair da mesmice: endereços de diferentes tipos de gastronomia na capital paulista. Na foto, prato do mexicano Metzi
Para sair da mesmice: endereços de diferentes tipos de gastronomia na capital paulista. Na foto, prato do mexicano Metzi Fred Sabbag

Fred Sabbagdo Viagem & Gastronomia

São Paulo

Ouvir notícia

Em 1997, a cidade de São Paulo recebeu – durante um congresso internacional de hospedagem, gastronomia e turismo – o título de capital mundial da gastronomia, conferido por representantes de mais de 40 países que se achavam bem representados na capital paulista (gastronomicamente falando).

Embora eu discorde desse título porque, com todo o respeito, estamos atrás de diversas outras capitais no mundo em termos de variedade de nacionalidades representadas em restaurantes, o fato é que, sem igual no Brasil, em São Paulo é possível realizar uma pequena volta ao mundo “pela boca”.

Em São Paulo vivem, segundo dados da prefeitura divulgados em 2021, mais de 360 mil imigrantes registrados legalmente. E, muitos deles, aventuram-se nas cozinhas da cidade para mostrar aos paulistanos o que de melhor se come em seus países.

Por isso, nada mais lógico que, em agradecimento a tantos imigrantes e descendentes que ajudaram a construir a aniversariante do dia, para comemorar os 468 anos de São Paulo indico abaixo alguns restaurantes em que é possível fazer uma verdadeira viagem.

Metzi

Em uma cidade inundada por comida tex-mex, o Metzi nada de braçadas quando o assunto é comida mexicana. O curioso é que o casal Luana Sabino e Eduardo Nava Ortiz complementa alguns dos pratos com ingredientes brasileiros (o que fazem com genialidade, vale ressaltar).

De um guacamole sem igual no Brasil até o mole negro, o cardápio que sempre muda merece ser comido literalmente inteiro em uma mesa compartilhada entre amigos.

Metzi (@metzirestaurant): Rua João Moura, 861, Pinheiros, São Paulo-SP, CEP 05412-002

 

Ton Hoi

Ton Hoi, casa de comida chinesa / Reprodução Instagram

Porções bem servidas em um cardápio variado executado por Tommy Wong são o chamariz para os clientes que diariamente enchem esse grande representante da culinária chinesa em São Paulo.

O Ton Hoi pratos memoráveis como o macarrão com missô e carne moída, o famoso “trio campeão” (lula, mexilhão e camarão apimentados com legumes) e a costela doce azeda, que leva caramelo de gengibre.

Ton Hoi (@tonhoirestaurante): Av. Prof. Francisco Morato, 1.484, Butantã, São Paulo-SP, CEP 05512-100

Biyou’Z

Biuou’Z, referência em culinária africana / Reprodução Instagram

Referência de culinária africana na cidade, o Biyou’Z é comandado pela camaronesa Melanito Biyouha, que no início servia apenas pratos típicos de seu país e depois, felizmente, ampliou o leque para diversos outros países.

No cardápio é possível encontrar pratos como couscous marroquino servido com carne refogada, kamba (camarão refogado com legumes e banana da terra) e madessu (feijão branco com azeite de dendê, arroz e carne refogada).

Biyou’Z (@biyouzgastronomiaafricana): Al. Barão de Limeira, 19, Campos Elísios, São Paulo-SP, CEP 01202-001

Casa Garabed

Casa Garabed, casa de culinária armênia / Fred Sabbag

A Casa Garabed foi fundada em 1951 pelo armênio Garabed Deyrmendjian e, desde então, assa esfihas com perfeição no mesmo forno à lenha.

Além das esfihas, sugiro pedir o basturmá (com ovos), sarmá (charutinhos armênios) e gueimá (carne refogada com snoubar) com uma porção da ótima coalhada seca.

Casa Garabed (@casagarabedoficial): Rua José Margarido, 216, Santana, São Paulo-SP, CEP 02021-020

New Shin La Kwan

New Shin La Kwan, famosa por seus churrasco coreano/ Reprodução Instagram

Especializado em comida sul-coreana, o New Shin La Kwan é comandado por Sae Young Kim e sua mãe Hae Sook Chun. O cardápio tem como estrela principal o churrasco coreano, feito pelo próprio cliente nas grelhas à carvão localizadas no centro das mesas.

No churrasco há opções como panceta temperada à moda coreana, costela bovina marinada e bife ancho fatiado, também marinado. Além do churrasco, há opções como os famosos bibimbap e kimchi tigue (deliciosa sopa apimentada).

New Shin La Kwan (@newshinlakwan): Rua Prates, 343, Bom Retiro, São Paulo-SP, CEP 01121-000

Restaurante Acrópolis

Acrópolis foi fundado em 1959 / Reprodução Instagram

O Acrópolis é o mais antigo restaurante grego de São Paulo (fundado em 1959) e por muitos anos teve à frente o conhecido “seu Trasso” (apelido de Trassyvoulos Georgios Petrakis, falecido em 2016, que de garçom – quando o restaurante ainda se chamava Cantinho Grego – passou a proprietário do restaurante).

Além da disputada moussaka, o polvo temperado servido com taztziki e berinjela temperada, a lula recheada e o carneiro com alcachofras são pedida obrigatória por lá.

Restaurante Acrópolis (@restauranteacropolis): Rua da Graça, 364, Bom Retiro, São Paulo-SP, CEP 01125-001

Restaurante Maripili

Maripili, representante da culinária espanhola / Reprodução Instagram

Localizado em uma pequena casa de esquina na Chácara Santo Antônio, o Maripili é um grande representante da culinária espanhola em São Paulo. O cardápio é recheado de pratos e tapas, com opções expostas em uma lousa na parede do salão.

Além do ótimo pa amb tomáquet (pão com tomate), rabo de toro (rabada espanhola) e lengua (língua bovina com cenoura, cebola, tomate, pimentão e Jerez), às vezes é possível encontrar uma boa paella nas opções diárias.

Restaurante Maripili (@restaurantemaripili): Rua Alexandre Dumas, 1.152, Chácara Santo Antônio, São Paulo-SP, CEP 04717-002


Mais Recentes da CNN