por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Estrelado Tuju ganha irmão descontraído e mais acessível

Chef Ivan Ralston abre Tujuína, irmão mais novo do estrelado Tuju, com pegada descontraída e pratos para compartilhar

Ouvir notícia

Ivan Ralson conquistou duas estrelas Michelin no seu Tuju – que fechou as portas por um breve período, ele garante. A gente torce para que realmente a casa volte em breve, mas enquanto isso não acontece o chef nos presenteia com o Tujuína, irmão caçula mais descontraído e com receitas para compartilhar.

Coxinha crocante do Tuujuína (Foto: Tina Bornstein)
Coxinha crocante do Tuujuína (Foto: Tina Bornstein)

O cardápio do Tujuína foi inspirado nas raízes paulistas, com comida afetiva que é servida em travessas, influências multiculturais e seus produtos. Mas é claro que vindo de um chef estrelado, além de técnica e criatividade, as apresentações são um show à parte. As porções podem até ser para compartilhar e com inspiração nos almoços de domingo, mas garanto que nenhuma travessa na casa “das nonnas” são servidas com tanto charme.

As coxinhas crocantes com recheio de galinha d’angola (R$ 32 – 5 unidades) já se tornaram as queridinhas entre as entradas, junto com as vieiras que chegam cortadas em pequenos pedaços na concha com abacate e wakame (R$ 64 – 3 unidades).

O ravioli recheado de alcachofra com raspas de Bottarga (R$ 58), apesar de estar na seção de entradas, vale ser pedido como prato principal – para comer sem dividir com ninguém, tamanha perfeição e suavidade. Vale ser egoísta nesse prato!

Ravioli recheado de alcachofra com raspas de Bottarga do novo Tujuína (Foto: Tina Bornstein)
Ravioli recheado de alcachofra com raspas de Bottarga do novo Tujuína (Foto: Tina Bornstein)

Peixe assado na brasa acompanhado de banana tostada com vinagrete de castanha de caju e salada de ervas (R$ 178), joelho de porco com feijão manteiguinha e abóbora (R$ 88), chuleta com batatas ao murro e pequillo (R$ 178) – todos para compartilhar – completam o menu.

Para encerrar é quase obrigatório pedir as sobremesas que valem cada caloria. O “pingado”, uma releitura do tradicional tiramisù (R$ 32), é aquele tipo de doce que te faz sair do restaurante com sorriso na cara e gostinho de quero mais. Vida longa ao Tujuína!

Tujuína
Rua Fradique Coutinho, 1248 – Vila Madalena / Reservas: (11) 2691-5548 / Funcionamento: quinta a sexta, das 19h às 22h,  sábado, das 12h30 às 15h e 19h às 22h e domingo, das 12h30 às 16h.

Mais Recentes da CNN