por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Ponte suspensa de tamanho recorde será inaugurada na cidade de Yunnan, China

Com uma única torre de sustentação, a ponte tem a altura de 100 andares e passa por um vale montanhoso

Yao Sichao/VCG via Getty Images

Maggie Hiufu Wongda CNN

Ouvir notícia

Viajar na cênica província chinesa de Yunnan está prestes a ficar um pouco mais fácil – e mais emocionante – com a primeira ponte suspensa de uma torre e um vão do mundo, prevista para ser inaugurada no próximo mês.

Estendendo-se por 798 metros sobre o vale de um rio, o comprimento da ponte Lvzhijiang pode não parecer tão extremo quando comparado a algumas das pontes mais longas do mundo. Mas a complexidade do projeto está ganhando reconhecimento como uma maravilha da engenharia.

A ponte paira acima de Lvzhijiang (literalmente traduzido como “Rio do Suco Verde”) e se projeta de túneis que emergem das encostas íngremes das montanhas em cada lado do vale.

Autoridades afirmam que a ponte quebra vários recordes mundiais.

Construída em um vale montanhoso em forma de V, é a primeira ponte suspensa de torre única e vão único do mundo; é sustentado apenas por uma torre e é suportado em ambas as extremidades por cabos. Não há colunas adicionais, dando-lhe uma aparência dramática que desafia a gravidade.

O vão único da ponte – a distância entre dois suportes – é de 780 metros. Além disso, as autoridades dizem que tem a ancoragem de túnel mais íngreme do mundo, com um ângulo de 54 graus.

Devido à paisagem acidentada da área, todos os principais elementos de suporte – a torre de 156 metros de altura, a laje de aproximação da ponte em uma extremidade da estrutura e a ancoragem do túnel na outra extremidade da estrutura – são construídos em encostas.

O gerente do projeto disse à mídia estatal chinesa que “a diferença de altura entre a plataforma da ponte e o pátio de montagem é de 320 metros de altura, ou cerca de 100 andares… A complexidade deste projeto raramente é vista na China”.

A ponte liga a cidade vizinha de Yuxi e a Prefeitura Autônoma de Chuxiong Yi de Yunnan e reduzirá drasticamente o tempo de viagem.

O limite máximo de velocidade na ponte é de 100 quilômetros por hora.

Com a construção iniciada em 2019, o projeto levou cerca de três anos para ser concluído. Espera-se que seja aberto ao tráfego no final de abril de 2022.

Conectando Yunnan ao resto da China

Embora a cidade de Yuxi (famosa pela produção de tabaco) e Chuxiong – uma região autônoma do povo étnico Yi famoso por seu museu de dinossauros – não sejam consideradas destinos turísticos populares, as duas áreas estão localizadas no coração da província de Yunnan, entre grandes cidades como Kunming e Dali.

A Ponte Lvzhijiang é uma seção chave da via expressa Yuchu de 190 quilômetros de extensão e da rede rodoviária de Yunnan de 9.000 quilômetros.

A via expressa Yuchu liga Yunnan a outras grandes vias expressas nacionais, como a via expressa Hangzhou-Ruili (uma cidade ocidental de Yunnan na fronteira com Mianmar) e a via expressa Guangzhou-Kunming.

Construir rodovias superlativas não é o único feito de engenharia que a província ocidental da China alcançou nos últimos meses. Uma nova ferrovia de alta velocidade China-Laos foi inaugurada em outubro de 2021.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Tópicos

Mais Recentes da CNN