por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    ETIAS: o fim das viagens gratuitas para os países da Europa; entenda

    A partir de 2023, os brasileiros terão de pedir uma autorização para entrar na Europa, o ETIAS; o tempo máximo para aprovação pode ser de até um mês

    O custo do ETIAS para entrar na UE será de cerca de R$ 38
    O custo do ETIAS para entrar na UE será de cerca de R$ 38 Getty Images

    Julia Buckleyda CNN

    Ouvir notícia

    Finalmente chegou: o fim das viagens gratuitas para a União Europeia.

    A Comissão Europeia anunciou o lançamento de seu tão esperado regime de entrada de viagens ao países do Espaço Schengen, o ETIAS, que será lançado em maio de 2023.

    Embora o ETIAS não seja o mesmo que um visto – é mais rápido, feito on-line e não requer informações biométricas -, ainda há um procedimento e um custo para obtê-lo, assim como o esquema dos Estados Unidos, o ESTA, a autorização de viagem obrigatória para viajantes de fora que chegam ao país.

    O ETIAS, que significa Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem, já havia sido programado para ser lançado no final de 2022.

    Os viajantes da UE estão isentos e têm liberdade de movimento em todo o bloco, permitindo que passem o tempo que quiserem em muitos países. Os residentes da UE também estarão isentos.

    Mas para todos que entrarem no bloco vindos de um país que não exigia visto anteriormente, o ETIAS será obrigatório. A medida afeta cerca de 60 países, incluindo o Brasil, os Estados Unidos e o Reino Unido, que perdeu a liberdade de movimento após o Brexit. Nada muda para quem antes precisava de visto para entrar.

    O processo de inscrição será por meio de um “sistema de TI amplamente automatizado”, com aprovação concedida “em minutos”, para cerca de 95% dos candidatos, de acordo com um novo memorando emitido pela UE.

    O tempo máximo necessário para aprovação pode ser de até um mês em “casos muito excepcionais”. Qualquer pessoa cujo pedido seja negado terá o direito de recorrer.

    A autorização do ETIAS é válida para um número ilimitado de entradas ao longo de três anos. No entanto, os titulares devem respeitar as regras de imigração e estadia. Atualmente, algumas nacionalidades não podem permanecer mais de 90 dias no bloco em sua totalidade, para cada período de 180 dias.

    O custo: € 7 (cerca de R$ 38) para aqueles com idade entre 18 e 70 anos. Ainda não está claro se outros terão uma tarifa reduzida ou poderão se inscrever gratuitamente.

    A data de início das inscrições ainda não foi divulgada.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original

    Mais Recentes da CNN